CRÔNICA Nº 2

“É preciso sair da ilha para ver a ilha. Não nos vemos se não saímos de nós.”

Analisando a frase de José Saramago e o conto da Ilha desconhecida , podemos também parafrasear Mokiti Okada que cita num dos seus textos que “É preciso criar uma segunda pessoa que o veja e o critique”.

Se não sairmos de nós mesmos e nos enfrentarmos com toda sinceridade ao nos olharmos, não poderemos descobrir a ilha que queremos. No texto de Saramago, a ilha desconhecida é também o nome do barco que o casal de protagonistas usaram para sair da ilha em que viviam. Eles queriam conhecer outras ilhas.

O barco pode ser considerado a nossa própria vida. Entrarmos no barco e navegar num mundo desconhecido, sair da zona de conforto, dar rumo a própria vida exige coragem e determinação. Ao tomar a decisão de entrar no barco e sair da ilha conhecida, teremos que enfrentar o desconhecido, as dificuldades, encontrarmos a direção certa para onde queremos ir, sozinhos ou acompanhados, mas é uma decisão solitária, individual. Ninguém pode fazer por nós.

Para quem tem fé, talvez seja mais fácil, pois a fé nos dá confiança, lembraremos das orientações e Ensinamentos de muitos “Mensageiros”, usando-os como o mapa, ou a bússola para encontrar o caminho perfeito . O prêmio será uma vida nova, que vale á pena ser vivida. Nascer de novo nesta vida como disse Jesus a Nicodemos talvez seja isso, rasgar o casulo e voar bem leve. Retirar todo o peso que existe em cima de nós, abrir as portas do coração.

Quando olhamos com sinceridade e admitimos para nós mesmos nossos erros, nossas falhas, imperfeições, tiramos o peso que existia , se “devolvermos” para Deus, nosso Pai,  com sinceridade e arrependimento, esse peso fica ainda mais leve. Essa é uma terapia que vale á pena ser feita .

Mokiti Okda também orienta que o objetivo da vida só pode ser esse, o aperfeiçoamento, a ponto de nascer de novo na mesma vida, tornar-se um ser humano perfeito ou retornar á casa do Pai, de onde viemos e ser reconhecido por Ele como seu filho.

Acho que deve ser esse o significado do Salmo de Mokiti Okada : “Quando todos os homens abrirem as portas dos seus corações , desaparecerão as trevas que envolvem este mundo”

As trevas existem em nós, assim como a Luz também existe. Ao abrirmos as portas do coração, a Luz que já existe dentro de nós , se expandirá e preencherá todo nosso coração, afastando as trevas. Com a Luz instalada em nossos corações, passaremos a enxergar a luz dos outros e não mais as trevas.

Dom Romani

Em 28/03/2020


Todas as  poesias e publicações são de autoria de Dom Romani (salvo quando dado o crédito a terceiros). É uma honra e um prazer que republiquem meus poemas, poesias e textos, desde de que com os devidos créditos.

Se gostou desse artigo, poderá gostar também de ler, ouvir e Assistir (em texto, áudio e vídeo): Enquanto Você Dormia

SINTONIZE NOSSA RÁDIO

NOVO LIVRO DE DOM ROMANI
SÓ POESIAS DE FÉ E ESPIRITUALIDADE