Em minha visão diante do mundo, a saúde é um equilibrio relativo ao nivel ou patamar de cada um. Um equilibrio possivel para que a vida possa ser vivida e as novas lições aprendidas.  

Para uma pessoa que usa uma protese, por exemplo e anda mancando, este é seu nivel de equilibrio que lhe permite viver. Outro exemplo é um morador de rua que ja se acostumou com o local, sabe onde conseguir alimentos e ja tem um rotina de sobrevivencia, que embora seja sofrida, para ele parece uma coisa normal.

Ou ainda, um executivo com uma rotina cara, carros de luxo, agenda lotada e sem tempo para certas coisas que consideramos fundamentais.

Ou um artista descolado que vive a vida de cidade em cidade apresentando seu espetáculo e acha normal morar cada dia em um lugar e nao ter nehuma propriedade…

Um carro antigo faz lentamente uma curva acentuada na estrada, enquanto que um possante passa por ele voando e faz a mesma curva com o dobro da velocidade e com o piloto sorrindo e cantando descontraidamente segurando o volante com uma só mão.

O possantre e seu piloto estão em outro nivel, e o que o motorista do carro velho chama de loucura, o piloto do possante acha a coisa mais normal.  

Cada um procura se equilibrar no seu nivel para viver de forma “normal”, de acordo com seus recursos e suas necessidades, e o que é normal para ele pode ser estranho para outro, que tem diferentes necessidades.

Seu Nivel mais elevado

Um Monge na india, está em um nivel muito elevado e tem poucas necessidades pessoais e muita necessidade de servir aos demais. Para isso ele tem um corpo, uma mente e um espirito em determinado nivel de equilibrio, o que faz ele achar normal viver experiencias que outros consideram loucura e devaneio.

Ouvi de um mestre que a unica coisa que pode mudar seu patamar é um novo conhecimento colocado em pratica, que lhe permitirá dar um pequeno salto, e a partir daí galgar um novo grau de equilibrio fisico, mental, emocional e espiritual.

Se queremos melhorar nosso nivel precisamos nos esforçar. E com a pratica vem a ousadia, que nos leva a desejar saltar para outro nivel, que antes destes conhecimentos nem sabiamos que existiam.

E não adianta esperar um tempo bom, pois a oportunidade é agora, enquanto estamos tentando equilibrar nossos malabares, pois mais adiante talvez nao precisemos mais destes conhecimentos, e pode ser que eles sejam justamente a chave que buscamos para equilibrar nossa vida e saltar para outro patamar.


Abraços a todos,

João Sérgio.