Imagine que voce tem que cuidar de varias tartarugas soltas em cima de uma mesa e não pode deixar nehuma delas cair. Embora as tartarugas sejam lentas, elas caminham em direções diferentes e tem suas proprias caracteristicas e necessidades.

Esse é um grande desafio de cuidado e atençao para qualquer um.

Agora vamos complicar um pouco. Imagine que cada uma destas tartarugas tenham seus filhotes e todos estejam sobre a mesa e voce não apenas tem que cuidas as mães, mas tambem atender as necessidades dos filhotes.

E não basta cuidar apenas para que eles não caiam, é preciso alimentar, dar água, brincar e atender as necessidades de cada um. E para complicar ainda mais, alguns destes filhotes ja estão se reproduzindo tambem…

E voce se torna profundamente ligado a cada uma destas tartarugas e de seus filhotes de tal forma que se alguma coisa acontecer com um deles voce vai sentir como se algo dentro de voce se perdesse e vai sofrer muito.

Agora pare para pensar.

Sua vida não é diferente disso. Voce tem varios assuntos para cuidar, tem um espaço e tempo limitado e tem que se dividir entre todas estas diferentes areas de sua vida de forma equilibrada.

As vezes uma destas areas lhe toma uma grande parte do tempo e voce descuida de outras areas e acaba deixando alguma destas tartarugas com fome, com sede e o pior, algumas chegam a cair de sua mesa e trazer alguma dolorosa perda.

Agora pegue um papel e divida pelo menos em quatro grande areas ou mais. Em cada area coloque um nome de uma assunto que voce se dedica. Por exemplo: Familia, negocios, Espiritual, Pessoal. Em cada uma destas areas coloque as subdivisoes como galhos saindo de um troco e gerando outros gralhos…

Familia tem subdivisões como rotinas domesticas, amor, lazer, casa, compras, viagens, peasseios.

Negocios, tem trabalho, estudo, carreira, Networking.

Espiritual teria por exemplo, estudo, igreja ou grupos, rituais, autodesenvolvimento…

Pessoal teria, cursos, saude, irmãos, amigos…

Faça as divisões de acordo com sua propria realidade.

A medida que voce vai desenhando, novas percepções de areas da sua vida vão surgindo. Até que voce perceba uma grande teia como uma árrvore com muitos galhos e ramificações.

E você esta ligado a todas elas e precisa cuidar igualmente de cada uma para se sentir inteiro, porque elas são parte e você.

Seu espirito se multiplicou a medida que voce foi se desenvolvendo, criando novos relacionamentos e assumindo novas responsabilidades, exatamente como foi aconselhado a muitos anos atraz…

Crescei e Multiplicai-vos!

Mas na maioria das vezes não damos conta e nos sentimos fracionados e desconfortáveis com tanta diversidade de coisas par acuidar. Sentimos vontade de nos recolher na solidão de nosso ser e reunir nossas partes.

Muitos fazem isso mesmo e se isolam por algum tempo e acabam vivendo desta forma.

Outros aprendem a lidar com tanta diversidade, mas deixam muitas tartarugas cairem e logo colocam outras tartarugas na mesa, sem se conectar tanto com cada uma delas.

Como fazer para dar conta de tamanho desafio que é viver uma vida que Pede Unidade na Diversidade, sem se sentir fracionado e ao mesmo tempo sem ser futil e superficial nos relacionamentos e nas responsabilidades?

Eu não tenho a resposta, mas tenho observado pessoas admiráveis que conseguem fazer algo parecido. Vivem felizes e integradas com si mesmas e com muitas pessoas e cuidam de muitos assuntos, sem perder sua individualidade.

Estas pessoas tem uma mistura de individualismo e altruismo. Elas conhecem bem a si mesmas e sabem seus potenciais e suas limitações. Elas costumam estabelecer limites claros mas dedicam grande atenção a cada uma das areas, sem perder a conexão com o todo.

Fico Impressionando com a sua capacidade de percepção do ambiente e ao mesmo tempo com a sua concentração.

Parece que seus dois cérebros aprenderam a trabalhar juntos de forma equilibrada e cooperada.

O Analitico cuida de cada detalhe e o relacional estabelece conexões profundas e verdadeiras. São capazes de sentir e perceber, mas idealizar e gerenciar seus sentimentos e pensamentos.

E quanto mais elas desenvolvem esta capacidade dual , mais responsabilidades elas ganham e mais tartarugas elas cuidam.

Acho que o segredo delas é que são mestres e treinam as tartarugas para cuidarem dos seus proprios filhotes. Tem disciplina e criam regras claras sobre a mesa e ensinam a todas a ter sensibilidade e delicadesa…

São como seres alados, que por terem aprendido a voar, são capazes de viver na terra com sabedoria, Harmonia, amor Verdade e Justiça.

Haveju

17/10/2020