Fugas e enfrentamentos

São situações que certamente já passamos e iremos voltar a vivenciar.
Quantas vezes você fugiu de uma situação???
E o que aconteceu depois???
Elas se repitiram?
Te imprensaram na parede?
Até dá pra fugir de algumas…
É sensato.
Principalmente que são uma tremenda “furada”!
Mas têm as que quanto mais se foge…
Mais perto delas ficamos.
E aí?
O que fazer?
Enfrentá-las!
São difíceis
Complicadas
Desconfortáveis
Desafiadoras!
E é por esse caminho que crescemos…
Pode ser doloroso…
Mas não tem outra alternativa.
Mesmo porque,
A outra você já usou…
E não deu certo!
O processo pode parecer inalcançável…
Mas é você quem o torna assim.
Muitas vezes complicamos o que é para ser simples.
Damos tantas voltas sem sair do lugar…
Mas só adiamos o inevitável.
O problema não some!
E é sua tarefa solucioná-lo.
E de tanto tentar…
Você consegue!
É, consegue.
E essa vitória se torna uma habilidade…
Uma experiência
Um aprendizado.
A verdade é que escolher a hora certa de enfrentar ou fugir…
É uma decisão baseada em nossos valores.
Podemos fugir de situações e perigos desnecessários…
Mas temos que enfrentar as consequências dos nossos atos.
Aos poucos escolhemos melhor como agir…
Tomamos consciência das nossas responsabilidades…
Evitamos causar os problemas que teremos que enfrentar.
E o equilíbrio é estabelecido.
Então, superamos mais uma etapa.
Ainda cairemos…
Mas saberemos lidar melhor com esses impasses.

DayseGhaya