Pacificar

Equilibrar as forças…
Manter o entendimento…
Dialogar com as diferenças…
Promover alianças.
Apagar o fogo dos exaltados
Incentivar ações conciliadoras
Ativar mecanismos de equalização.
Tornar possível a justiça social.
É dar exemplos de:
Empatia
Solidariedade
Autruísmo
Integração.
Buscar soluções cooperativas…
Uma responsabilidade global…
A colaboração consciente…
Um comprometimento real.
É tornar possível o entendimento unificador que congrega todos numa só classificação.
A identificação com uma existência coletiva unificada na sobrevivência interdependente culminando na geração de valores de sustentabilidade viável para todos.

DayseGhaya