images

Minha contribuição no momento é:

Que lembremos a cada segundo que tudo isso se trata de NÓS MESMOS.

O único lugarzinho no universo que nos foi dado a honra da responsabilidade encarnada, do comando direto, sem intermediários nem terceirizações, nem mesmo “divisão de tarefas”.

Esse centro próprio do trabalho com as “nossas próprias mãos”.

É daqui de dentro que se emanarão todas as consequências pessoais e coletivas, e é daqui também que as alegrias e bençãos podem ser cultivadas para semear a terra.

Nesse ano 2020=4, que aprendizado forte!

*Poesia num ano Concreto*
Muita coragem

Toneladas de compaixão

Tudo muito concreto,

Cimentado com afeto

Tudo muito,

na medida certa

da natureza Divina

Paz.

Trabalhando até o fim

Tudo muito concreto,

Cimentado com afeto

Coração e mente

São os últimos

Que morrem

Consciência e memória

Corpo-registro

Tudo muito concreto,

Cimentado com afeto

 

Silvia Fitti, 15.5.2020