images (16)

Vocês já notaram que todo dia podemos aprender alguma coisa?

Quando você acorda sempre surge um pensamento ou um questionamento em sua mente.

Se você alimentar o questionamento e não tentar responder com aquilo que já sabe talvez o seu dia se transforme em um caminho para a resposta.

Situações  vão acontecer, você vai ouvir e falar coisas que não tem aparentemente qualquer relação com o assunto.

Como quem vai ao shopping procurar alguma coisa e acaba se distraindo com varias coisas e no fim acaba encontrando o que procurava de forma inesperadas e bem melhor que podia imaginar. E além disso encontra amigos, se diverte e faz novas amizades.

Sem se dar conta, sua mente vai reunindo fragmentos pelo caminho e no final do dia as coisas começam a se encaixar até que de repente tudo se conecta e faz ZAP como um relâmpago que ilumina a mente.

Eureka, É isso!

Parece que ao desejar algo acionamos um fluxo de energias a nosso favor.

Mas o que é, e de onde vem a energia?

Analisando a fonte da energia elétrica, eólica, e outras tantas, percebi que aquilo que chamamos de energia é fruto sempre do desequilíbrio ou uma diferença de potencial entre dois extremos que uma vez interligados produz um fluxo de energia.

A natureza tende a reequilibrar as coisas para restaurar-se e este movimento de partículas produz energia.

Acredito que da mesma forma a energia mental ou espiritual seria também movida pelo desequilíbrio interno da natureza humana.

De um lado temos um manancial inesgotável e de outro uma necessidade específica humana.

Parece que ao desejar algo e estabelecer uma meta ou objetivo claro, criamos uma diferença de realidade entre o presente que carece de tal realidade e um novo futuro idealizado em nossa mente.

Isso funciona como dois polos de uma bateria.

A força do desejo e a clareza dos objetivos determinam a intensidade da energia que irá percorrer a distância entre ambos e construir a ponte para interliga-los, fornecendo ideias, meios e materiais para sua realização.

E assim também todas as nossas insatisfações produzem energia.

O conforto e a estabilidade não produzem força motriz.

Apenas o desconforto e a necessidade podem acionar os nossos mecanismos internos e nos tornar verdadeiros imãs para atrair aquilo que necessitamos.

E não são apenas energias positivas mas todas as formas de insatisfacao que seja capaz de produzir sentimenro, tais aborrecimento, raiva, irritação, medo, ambição e todas as espécies de emoções humanas.

Curiosamente pela mesma lei atraimos tanto o que amamos como aquilo que odiamos ou tememos.

Então precisamos ter muito cuidado com nossos pensamentos e sentimentos.

O que te move?

O que te faz levantar cada manhã e matar um leão por dia para conseguir?

28 de setembro de 2019

Haveju